Bem vindo à Brisa da Poesia!

Espargindo fragrância nas mal dedilhadas letras, levo até vocês, uma amostra tecida no rude tear da minha poesia! Espero que o pensamento exteriorizado nos meus versos leve até vocês momentos de deleite e emoção!
Abraços poéticos, Armando A. C. Garcia
São Paulo, 06/08/2011

terça-feira, 17 de abril de 2012

Metamorfoses da Alma

Metamorfoses da Alma


Do abismo das geenas, ressarcido
Te foi concedido um novo avatar
Vieste, como espírito redimido
Pro mundo da terra te aperfeiçoar

Pra quando renderes a alma ao criador
Ablatar teu espírito melhorado
Levando teu coração cheio de amor
Por aqueles, de quem tens sido odiado

Levarás, nas alvas asas da saudade
A esperança de servires teu inimigo
Germinada a semente da caridade
Queres fazer de cada um, o teu amigo.

Terás, então, tua vindicta terminada.
Serás um espírito cheio de luz
Que saído das trevas, enlameada,
Te tornaste um discípulo de Jesus !

Se assim não for, terás novos avatares...
Continuarás rastejando no umbral
Ouvindo rangido de dentes p’los ares
Como um uivo de fera descomunal !...

Não esqueças que pediste p’ra resgatar
Teus erros de outras existências passadas.
Não deixes pois a prova se acabar
Sem teres todas as faltas terminadas

São Paulo, 05-05-1964

Armando A. C. Garcia

Visite meu blog: http://brisadapoesia.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário