Bem vindo à Brisa da Poesia!

Espargindo fragrância nas mal dedilhadas letras, levo até vocês, uma amostra tecida no rude tear da minha poesia! Espero que o pensamento exteriorizado nos meus versos leve até vocês momentos de deleite e emoção!
Abraços poéticos, Armando A. C. Garcia
São Paulo, 06/08/2011

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Em canhestra atitude

Em canhestra atitude 


O meu entendimento era tacanho
Para entender a extensão desse mal,
Nem sempre o excêntrico é primordial,
Se a distância, fica aquém do antanho.

Em canhestra atitude o teu amor
Mangou de mim, pra mim, o tempo todo.
E se algum dia, eu senti dó da dor,
Foi quando por ti,  fui jogado no lodo !

Assim, considerando esse motivo
Não vejo razão plausível pra tal
Comportamento esdrúxulo, difusivo.

-  Nesse aspecto comportamental,
Que abomina o bem e é extensivo
A tudo que é nocivo e prejudicial !

São Paulo, 23/02/2017 (data da criação)
Armando A. C. Garcia

Visite meus blogs:
http://brisadapoesia.blogspot.com
http://preludiodesonetos.blogspot.com
http://criancaspoesias.blogspot.com

Direitos autorais registrados

Mantenha a autoria do poema

Nenhum comentário:

Postar um comentário