Bem vindo à Brisa da Poesia!

Espargindo fragrância nas mal dedilhadas letras, levo até vocês, uma amostra tecida no rude tear da minha poesia! Espero que o pensamento exteriorizado nos meus versos leve até vocês momentos de deleite e emoção!
Abraços poéticos, Armando A. C. Garcia
São Paulo, 06/08/2011

quarta-feira, 16 de março de 2016

A chave dos sonhos

A chave dos sonhos


Tarde da noite caminhava sozinho
Em lindo e majestoso jardim de sonhos
Sem atropelar as rosas ou o cravinho
Pensando em coisas sublimes, suponho

E lá, a chave dos sonhos, procurava
Infelizmente, eu não a encontrei
Talvez na memória derrotada se achava,
Este, o único lugar que não procurei !

Alguém,  por favor, onde está a chave ?
Preciso encontrá-la para ser feliz,
Quem sabe, ela esteja numa clave

De uma alegre canção de amor,
Ou na delicada e suave matiz
De uma tela que retrata o alvor.


São Paulo, 15/03/2016 (data da criação)
Armando A. C. Garcia

Visite meus blogs:
http://brisadapoesia.blogspot.com
http://preludiodesonetos.blogspot.com

Direitos autorais registrados
Mantenha a autoria do poema
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário