Bem vindo à Brisa da Poesia!

Espargindo fragrância nas mal dedilhadas letras, levo até vocês, uma amostra tecida no rude tear da minha poesia! Espero que o pensamento exteriorizado nos meus versos leve até vocês momentos de deleite e emoção!
Abraços poéticos, Armando A. C. Garcia
São Paulo, 06/08/2011

sábado, 25 de abril de 2015

Com tanto engano !

Com tanto engano !


Com tanto engano,  até o que crê, duvida
Ante a obscuridade da verdade
Que no seio das igrejas é dividida
Na falsa crença de fé e igualdade

A hierarquia que rege o sistema
Com o dízimo, está mais preocupada
Do que com o teu, ou o meu problema
Pois sua fé é vã, estereotipada.

Não agasalham na luz da verdade
O pensamento claro do Criador
Pois não pregam na apostolicidade.

Mas sim, no sórdido apego ao dinheiro
À luz nociva do ouro, e o pior,
É que arrastam a alma ao atoleiro !

Porangaba, 25/04/2015 (data da criação)
Armando A. C. Garcia

Obrigado por visitar meu blog:



Um comentário:

  1. Um lindo poema que nos leva a refletir, gostei muito! Parabéns pela maravilhosa inspiração! abraço, ania..

    ResponderExcluir