Bem vindo à Brisa da Poesia!

Espargindo fragrância nas mal dedilhadas letras, levo até vocês, uma amostra tecida no rude tear da minha poesia! Espero que o pensamento exteriorizado nos meus versos leve até vocês momentos de deleite e emoção!
Abraços poéticos, Armando A. C. Garcia
São Paulo, 06/08/2011

terça-feira, 22 de abril de 2014

Com Tua luz !

Com Tua luz !


Ouve Senhor a minha prece
Põe um fim à desventura
Com Tua luz me aquece
Do frio da noite escura

Ó Senhor lá das alturas
Escuta o meu clamor
Estende às criaturas
O pendão do Teu amor

Ó excelsa preeminência
Onde o brio e o pundonor
São de Tua sapiência !
- Atende nosso clamor

Sabes d’nossa imperfeição,
O nosso íntimo conheces
Por favor, tem compaixão
Atendendo nossas preces

Tu, És a celeste esperança
Dos pobres em aflição
És a tábua de bonança
De quem busca a salvação

Não desampares Senhor !
Os desvalidos da vida
Eles, buscam no Teu amor
Um alento à paz perdida

No momento sublime
Da Tua benção, Senhor !
A nossa alma redime
À sementeira do amor!

Porangaba, 18/04/2014  (data da criação)
Armando A. C. Garcia


Obrigado por visitar meu Blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário