Bem vindo à Brisa da Poesia!

Espargindo fragrância nas mal dedilhadas letras, levo até vocês, uma amostra tecida no rude tear da minha poesia! Espero que o pensamento exteriorizado nos meus versos leve até vocês momentos de deleite e emoção!
Abraços poéticos, Armando A. C. Garcia
São Paulo, 06/08/2011

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

VENTURA !






VENTURA !


Ventura ! Corro atrás de ti, não te alcanço
Desfalece em mim a vera confiança
Ledo engano, depositar esperança
Se no caminho perco o avanço

No tropel humano ouço um clamor
Todos em busca da venturosa estrela
Uns usando grandes tochas, outros vela
Todos por ti procuram, com vigor

Gastam na idade o destino em aventura
Uns, na amargura seus dias acabam
Outros, os finalizam na sepultura

É bem escasso o caminho da fartura
Pois, muito poucos dela desfrutaram
Por mais que buscassem por ti, Ventura !

São Paulo, 31/07/2007
Armando A. C. Garcia



E-mail: armandoacgarcia@superig.com.br  

Nenhum comentário:

Postar um comentário